Quinta-feira, 11 de Março de 2010

Há dias assim...

O Sol lança os raios da alvorada,

A manhã nasce lenta e calada.

A alma está lacónica e parada...

Não acompanha a luz anunciada.

 

Há uma melancolia evidente,

Sem razão ou motivo aparente,

Inibe  um espírito presente.

Um olhar estático e ausente.

 

Por vezes, as lágrimas teimam brotar,

Teimosas e indiferentes ao pensar.

O ser luta com a força do lacrimejar,

Pois o dia é mais que uma lágrima a rolar.

 

O pensamento busca ocupação

Procura tarefas de distracção,

Para ter fechadas as portas da emoção,

E manter aberto o acesso à razão.

 

É uma luta constante e intensa

Onde o coração é a voz da presença

A saudade é a que mais adensa...

Mas a esperança é o que mais compensa!

 

Há dias assim...

 

publicado por Elisabete Ribeiro às 19:11
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De renato a 9 de Janeiro de 2011 às 03:28
Como te entendo...
Um novo dia é uma nova batalha, é a constante guerra interior entre o eu que se quer entregar à dor e o eu que quer seguir em frente... Durante o dia o coração recorda-nos do que já não é, do queria que ainda fosse, recorremos a razão e procuramos distrair a cabeça de forma a que o coração não seja ouvido, procuramos estar com a família , estar com os amigos, recuperamos velhos hábitos , novos hobbies, mas o coração não descansa no seu discurso e nos momentos vazios apenas fala o coração, e como ele se faz ouvir...
O tempo tudo cura, ele leva a amargura, por isso é preciso manter a esperança, mesmo que não se veja uma solução... não digo que se esqueça esse passado, mas que este deixa de doer, a saudade deixe de fazer voltar atrás , e com o tempo se possa olhar com carinho a tudo que se viveu... e se não for o caso, que ao menos se aceite e se sinta esse capitulo encerrado.
Pelo menos tento ter "esperança" que seja assim...
De jorge guimaraes a 12 de Março de 2010 às 22:22
Olá Elisabete!
Há já algum tempo que tinha intenção de expressar as palavras que se seguem.
Tenho a noção que além da poeta, temos uma grande alma aliada a um grande coração. A tua sensibilidade e o teu modo apaixonado e emotivo, confundem-se com as pessoas de carácter e apreciadoras de um tipo de vida que na sua generalidade vai ao encontro do amor! Amor pelos entes queridos, por uma vida, por um filho.
Elisabete, obrigado por ajudares a pensar que existimos e temos um prazer imenso em contactar-te.
Mais uma vez obrigado e não desistas, enche-te de coragem e defende o teu coração!.....
Bj
Jorge

Comentar post

- Quem sou

- visitas

- calendário


Free Blog Content

- Últimas reflexões

- Chuva pela janela

- Para ti

- Aos amigos

- Fim de ano

- Uma questão de escolha

- Três letrinhas apenas...

- Há dias assim...

- Música

- Novo Ano

- Estrela

- Cheirinho a Natal

- Prazeres de Outono

- "Carpe Diem"

- O que é a esperança?

- Dias

- tags

- a minha criação

- amigo

- amizade

- amor

- amor é...

- anjo

- aprender

- boas energias

- bom dia

- chuva

- consciência

- crescer

- criança

- definições... cómicas

- definições... curiosas

- dezembro

- dias

- educar

- esperança

- estrela

- felicidade

- homem

- ideal

- juventude

- leitura

- lembrança

- liberdade

- mãe

- marcas

- mulher

- música

- natal

- nome

- novo ano

- o amor para...

- o meu poema- amigo

- outono

- palavras

- para ti

- paraíso

- parar

- passado

- passagem de ano

- pensamentos

- pertença

- presente e futuro

- receita da felicidade

- reféns

- relacionamentos

- saudade

- sensações

- ser docente

- somos poetas

- sorriso

- tempo

- três letrinhas apenas...

- triste

- uma lição de vida

- vida

- vive o momento

- todas as tags

- Ligações

- arquivos

- Setembro 2012

- Janeiro 2011

- Dezembro 2010

- Outubro 2010

- Maio 2010

- Março 2010

- Janeiro 2010

- Dezembro 2009

- Novembro 2009

- Setembro 2009

- Agosto 2009

- Julho 2009

- Junho 2009

- Maio 2009

- Abril 2009

- Março 2009

- Fevereiro 2009

- Janeiro 2009

- Dezembro 2008

- Novembro 2008

- Outubro 2008

- Setembro 2008

- Agosto 2008

- Julho 2008

- on

blogs SAPO

- subscrever feeds